Pesquise sem acentos

Pesquisa personalizada

Projeto e atividades: Luiz Gonzaga canta e conta o Nordeste - 100 anos

Tem mais Luiz Gonzaga aqui




Autor RUTH REGINA MELO DE LIMA

NATAL - RN NUCLEO EDUCACIONAL INFANTIL - NEI
Coautor(es)NAYDE SOLANGE GARCIA FONSECA


Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  •   Conhecer aspectos da vida e obra do cantor e compositor Luiz Gonzaga;
  •   Reconhecer o gênero musical (forró);
  •   Expressar ideias e sentimentos após a escuta e interpretação da música “Asa Branca.” " Respeita Januário, Xote das Meninas e A morte do Vaqueiro;
  •   Conhecer alguns elementos que caracterizam o sertão nordestino e a vida do homem do sertão, retratada nas letras das músicas do compositor e cantor Luiz Gonzaga.
  •  Fazer uma releitura da Asa Branca, através das artes visuais.
Duração das atividades
4 aulas com a duração de 50 minutos
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Está aula não necessita de conhecimentos prévios.
Estratégias e recursos da aula
ATIVIDADE 1 - Conhecimentos da vida e obra do cantor e compositor Luiz Gonzaga
1º MOMENTO – O professor  juntamente com os alunos deverá realizar uma pesquisa sobre a vida e obra de Luiz Gonzaga. De posse do material, o professor deverá organizar com as crianças as informações obtidas para elaborarem e construirem uma linha de tempo da vida de cantor. Evidenciando os fatos mais importantes e se possível, ilustrar  com fotos  para que as crianças possam fazer leitura das imagens.

Linha de tempo:
13 de dezembro de 1912 - Nascimento
1939 - Deu baixa do Exército no Rio de Janeiro, decidido a se dedicar à música
1941 - Ele foi aplaudido executando Vira e Mexe , um tema de sabor regional, de sua autoria
1945 - Gravou sua primeira música como cantor
1946 - Voltou pela primeira vez a Exu (Pernambuco), e o reencontro com seu pai
1947 - Gravou a música asa branca
1948 - Casou-se com a pernambucana Helena Cavalcanti
1989 - Morreu vítima de parada cardiorrespiratória
ATIVIDADE 2 - APRECIAR ALGUMAS MÚSICAS DO COMPOSITOR LUIZ GONZAGA
1° MOMENTO –  Diariamente, o/a professor/a deverá propor aos alunos que escutem algumas músicas do compositor acima citado. Após esse momento, deverá conversar e registrar no mural da sala, as apreciações feitas por eles em relação ao estilo da música (forró), a melodia,  ao tema, a letra da música, ao ritmo e aos instrumentos que ouviram tocar/acompanhar as música.

Acesse o modelo desta atividade, sem fazer, aqui.


2º MOMENTO – Escutar e interpretar oralmente a letra da música “Asa Branca.”
O/a professor/a deverá perguntar aos alunos:
- O que vocês sentiram ao ouvirem essa música?
- Qual é o tema dessa música? Do que fala?
- Quem é “Asa Branca” e Rosinha?
- Que lugar é este retratado por Luiz Gonzaga?
- Por qual motivo não se pode respirar, plantar e nadar na terra?
-  O que significa as expressões:  “Quando olhei a terra ardendo qual fogueira de São João...” “Que braseiro, que fornalha...”


 Acesse o modelo desta atividade, sem fazer, aqui. 

ATIVIDADE 3 - CONHECENDO A ORIGEM DO FORRÓ
1º MOMENTO – Para ampliar o conhecimento dos alunos acerca da origem desse ritmo musical, o/a professor poderá ler para os alunos o seguinte texto:
                                                                                                         O forró                    
     O forró é um ritmo musical que surgiu no Nordeste, mas a palavra designa também o local onde se realiza uma festa dançante ou baile, com músicas características daquela região. O termo se originou da redução da palavra “forrobodó”, que significa “farra”, “confusão”, desordem, confirmando segundo alguns autores, que sua origem não é a forma abrasileirada de for all, que em inglês significa “para todos”.     
     O gênero se consagrou também como forma de dançar e como estilo musical característico, geralmente executado por um trio instrumental composto de sanfona, zabumba e triângulo. O forró surgiu no Nordeste, mas, a partir da década de 1950, se espalhou por todo país. Na década de 1990, na cidade de São Paulo, surgiram várias casas para este “arrasta-pé”, frequentadas por adolescentes e universitários.  (Ana Teberosky & César Coll. Aprendendo Arte. Conteúdos essenciais para o Ensino Fundamental. São Paulo. Editora Ática, 2002, p. 187).
O professor poderá fazer uma pesquisa juntamente com as crianças na biblioteca ou nos computadores (internet) da escola. É importante que as crianças adquiram o hábito de pesquisar, para tanto o professor deverá antecipadamente verificar quais os livros ou sites apropriados para a pesquisa.
2º MOMENTO - O professor deverá levar os alunos para sala de multimidia para assistirem alguns vídeos sobre Luiz Gonzaga:
http://www.youtube.com/watch?v=DdmolSUJVAo&feature=related - Respeita Januário
http://www.youtube.com/watch?v=5g3GAbv7US4  - Xote das Meninas
http://www.youtube.com/watch?v=jSWwftxuSQQ&feature=related - A morte do vaqueiro 
Ao final de cada vídeo o professor deverá questionar:
  • Do que trata a música? Em que região você acha que está contextualizada essa música?
  • É uma música alegre ou triste?
O professor poderá pedir para a turma escolher uma destas músicas para ser ilustrada, lembrando que  pode ser apenas uma parte da música. Para tanto, deverá disponibilizar o material: Folha A4, lápis de cor, giz de cera, lápis grafite, tesoura, revistas, cola, hidrocor, borracha e régua.
ATIVIDADE 4 - REPRESENTANDO O SERTÃO ARTISTICAMENTE
1º MOMENTO – O professor deverá propor a releitura de uma obra que represente o nordeste brasileiro. A obra citada abaixo é uma xilogravura, que é uma técnica de gravura na qual se utiliza madeira como matriz e possibilita a reprodução da imagem gravada sobre papel ou outro suporte adequado, no nosso caso utilizaremos o isopor.  È um processo muito parecido com um carimbo, está técnica é muito utilizada no nordeste para ilustrar a literatura de cordel.
  http://pt.wikipedia.org/wiki/Xilogravura  
http://www.onordeste.com/administrador/personalidades/imagemPersonalidade/45158975dc4430236d5835903ece7e98464.jpg 
 
http://xilogravura.zip.net/images/030.jpg 
2º MOMENTO –  O professor deverá solicitar que todas as crianças tragam para sala de aula pratinhos de isopor, aqueles utilizados em supermercado para condicionar frios. Cada criança deverá criar seu desenho, pautados no contexto do nordeste brasileiro. Para tanto, terão que fazer o desenho com o auxilio de um lápis grafite ou caneta, pressionando o lápis/caneta no isopor, fazendo um pequeno entalhe, no entanto não se deve pressionar com muita força para não furar e nem quebrar o isopor.


3º MOMENTO - Depois, com o auxilio de um rolinho ou pincel, cobrir toda a superficie do isopor, tomando o cuidado para não colocar muita tinta na parte vazada.

4º MOMENTO - Em seguida, colocar uma folha de papel peso 40 A4 sobre a prancha de isopor e pressionar levemente com as mãos. Em seguida retire a folha e obterá o desenho representado pela xilogravura. Depois a impressão deverá ser colocada em uma moldura e assinada pela criança. Os trabalhos deverão ser expostos no mural da escola.
Recursos Complementares
Avaliação
  • Expressam oralmente alguns aspectos da vida e obra do compositor Luiz Gonzaga;
  • Reconhecem o gênero musical forró
  • Compreendem alguns aspectos das letras das músicas de Luiz Gonzaga trabalhadas durante o tema, Asa Branca e Xote das meninas.
  • Identificam alguns elementos que caracterizam o sertão nordestino.
  • Conheceram e vivenciaram o trabalhado realizado através da técnica de xilogravura
Fonte: MEC Portal educação


Tem mais Luiz Gonzaga aqui




Nenhum comentário :

Postar um comentário

É muito bom quando você comenta. Assim, posso saber do que você precisa e conhecer a sua opinião sobre o nosso trabalho. Obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...